Destaque

Presidente do CVG-SP participa de evento online do Clube dos Seguradores da Bahia

23/04/2021

O presidente do CVG-SP e diretor Comercial Nacional Vida da Tokio Marine, Marcos Kobayashi, participou da Confraria Online do Clube dos Seguradores da Bahia, realizada no dia 22 de abril. Na ocasião, ele dividiu a apresentação do tema “O futuro é o nosso presente” com a gerente Regional Vida, Rosangela Spak. Ambos comentaram o bom desempenho da companhia, a nova estrutura regional e os investimentos em produtos, serviços e tecnologia.

Durante o evento online, Kobayashi respondeu perguntas dos participantes, uma delas sobre a maior conscientização da população em relação à importância do seguro vida. O presidente do CVG-SP lembrou que o seguro de pessoas já estava em ascensão mesmo antes da pandemia, quando superou em faturamento o seguro de automóvel e, posteriormente, o seguro saúde. A seu ver, a evolução da covid-19 trouxe mais conscientização, mas também ajudou nesse sentido o trabalho dos corretores e até dos bancos.

Kobayashi citou como exemplo o desempenho do seguro de vida individual na Tokio Marine, que cresceu 48% no ano passado, em plena crise sanitária. “Essa conscientização tomou corpo e colocou em um patamar diferenciado o seguro de vida, que continua em ascensão”, disse. Por outro lado, ele reconheceu os desafios para o ramo na parte financeira, sobretudo pela decisão do mercado de cobrir os sinistros provocados pela covid-19. 

Questionado pelo presidente do Clube, Fausto Dorea, Kobayashi comentou o aumento da sinistralidade no ramo vida. “Nos dois primeiros meses do ano, o mercado pagou R$ 2,29 bilhões por sinistros de covid-19”, disse, acrescentando que as companhias do ramo de seguro de pessoas dobraram o volume de indenizações em comparação com o mesmo período do ano passado.

“Mas, o mercado é forte e a conscientização continua crescendo, principalmente pelas notícias diárias sobre o número de internações e de mortes, que levam a população a refletir”, disse. Apesar dos desafios para o setor, o presidente do CVG-SP manifestou otimismo em relação ao futuro. “Hoje, apenas 20% da população é assistida pelo seguro de vida. Então, temos muito espaço para crescer”.

Fonte: CVG-SP